E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

Sexta-feira, 31 de Agosto de 2012

Ultimamente muito se tem badalado na venda da RTP. A última versão é a de que a RTP 2 vai acabar e a RTP 1 vai ser entregue a uma gestão privada.

Sem o Povo ser ouvido, lá vamos nós ficar sem TV pública. Como até ao momento os portugueses, na Europa, pouco ou nada lideravam, passarão a ser pioneiros em não ter TV pública.

Lentamente vamos voltando ao passado!...

Até aos anos 70, foi-nos a informação controlada e oferecida pelo poder ditatorial que tinha-mos. Agora, no que respeita à TV, esta mesma informação poderá vir a ser filtrada por três entidades privadas.

Lá vamos nós ter que beber, como no passado, a água que nos "botam" no copo.

Para fechar o número de elevado risco, que os trapezistas tentam executar, no nosso circo do descontentamento, eis que surge a oferta da Contribuição Audiovisual, a uma operadora ou até mesmo às três operadoras, como ultimamente vem sendo propalado.

Se tal acontecer, será mais uma facada no coração da democracia.

Como é triste o Portugal em que vivemos!... Agora, para que as notícias sejam controladas, também já temos que pagar.

A finalizar fica a pergunta:

- Será legal uma entidade privada - EDP - cobrar o nosso Contributo Audiovisual?

 

Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 00:25

Quarta-feira, 29 de Agosto de 2012

 

Por ter sido surpreendido com umas lindíssimas imagens conseguidas pelo Joaquim Diogo “Foto Diogo”, mostrando a beleza que as ruas do Pereiro apresentavam, por altura das suas festas em honra da Senhora da Saúde, não resistimos à tentação de realizar mais um trabalho.

O vídeo que de seguida apresentamos, é uma simbiose da beleza das ruas do Pereiro por altura das suas festas, da arte fotográfica do Joaquim Diogo e da doce e bela voz de Ana moura.

 

 

Vale a pena perder alguns minutos, a apreciar as várias telas pintadas pela máquina fotográfica do Maçanico Quim Diogo, que mostram a beleza das ruas abraçadas pela Senhora da Saúde.

Mação tem belezas que podem ser vividas e artistas que, no seu dia-a-dia, tentam tornar cada vez mais cintilante o nome de Mação.  

VÍDEO

 

Amorim Lopes

 


publicado por 59abc59 às 10:55

Segunda-feira, 27 de Agosto de 2012

 

 

Depois dos trabalhos apresentados sobre as festas do Pereiro, terminamos o ciclo com um trabalho, com o qual, pretendemos mostrar o aspecto das ruas na tarde de 26 de Agosto bem como algumas imagens da procissão. A todos os organizadores e colaboradores das festas, vão os nossos parabéns e o nosso agradecimento por tudo o que puseram à nossa disposição. Simultaneamente, desejamos muita saúde e força, para que em anos futuros consigam repetir evento semelhante.

VÍDEO

Amorim Lopes
publicado por 59abc59 às 20:00

Sábado, 25 de Agosto de 2012


 

 

Mais uma vez, Mação esteve nos olhos do Mundo e de Portugal em especial.

Na realidade, o Pereiro recebeu a visita da RTP, do programa “Portugal em Directo”, para abordarem as festas da Senhora da Saúde. O programa de uma forma simples, conseguiu mostrar o bairrismo, união, empenhamento e a vivacidade de um povo que, diariamente tenta enriquecer pela positiva o bom nome de Mação.

Ao povo do Pereiro, tiramos o chapéu pelo muito que a todos nós nos têm ofertado. À RTP, os agradecimentos pelo trabalho realizado, tão importante para o País, com o qual, tenta dar voz às gentes esquecidas nos mais diversos e belos recantos de Portugal.

 

VÍDEO

Amorim Lopes 

 

publicado por 59abc59 às 14:05

Sexta-feira, 24 de Agosto de 2012

 

Mais um Agosto está a atingir o seu final, eis que surgem no Pereiro, terra pacata, mas com muita vida, dinamismo, vivacidade e bairrismo, as festas em honra da Senhora da Saúde.

Este ano são nos dias 24, 25 e 26 do corrente mês. Pelas amostras que tivemos oportunidade de presenciar, com a visita que acabámos de fazer, podemos afirmar que, em nada são inferiores aos outros anos.

As ruas, começam a estar bem ornamentadas, o empenho a não faltar e até a RTP a estar presente.

No meio deste Portugal desfalecido, eis que, temos uma terra de gente honesta e trabalhadora, a usar o convívio popular, para temporariamente por de lado as tristezas.

Finalmente, para completar a doce ornamentação do bolo festivo das festas da Senhora da Saúde, falta a cereja muito bem nutrida de uma forte adesão popular.

Nós, já começamos a estar presentes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 13:11

Quarta-feira, 22 de Agosto de 2012

 

Que belas imagens estão a presenciar.

Infelizmente, não passam de imagens, pois alcançar a realidade é um pouco complicado.

Se nos perguntarem onde podemos comprar um presunto da marca referenciada, nós respondemos: Presuntos Pepe ou na nova casa que agora abriu, da qual é proprietário o José Henrique de Matos “Diabo”.

Tudo isto vem a propósito de que, muito recentemente, um casal Inglês, palmilhou Mação à procura de um presunto”Marca Mação”, para comprar. No final da peregrinação, entrou no Posto de Turismo, no qual a resposta foi inconsequente.

Já um pouco cansados, entraram no café Carruagem para tomar uma bebida.

Lá, em conversa com o seu proprietário, João Baço, que por ter trabalhado vários anos no Canadá trata por tu o inglês, desabafaram, mostrando a frustração de querer comprar algo, numa terra que se denomina de Catedral do Presunto e não conseguir.  

O dono do café, valendo-se dos seus conhecimentos, com a ajuda do telefone, rapidamente encontrou forma de satisfazer o casal de turistas.

O João, pelo bairrismo e amor à terra que o viu nascer e na qual trabalha, fechou momentaneamente o café e foi ao encontro do “Diabo”, onde os nossos visitantes puderam saborear, aprender algo sobre o afamado presunto e fazer a sua compra.

Contrariando o ditado “amor com amor se paga”, estes dois maçanicos, ao fazerem o bem, muitas vezes recebem o mal.

É o mundo injusto em que vivemos! 

Onde se encontrava a dinâmica Maçanica, para impulsionar o adormecido frenesim turístico?

Amorim Lopes
publicado por 59abc59 às 16:52

Terça-feira, 21 de Agosto de 2012

Hoje, em Mação, a temperatura rondou os 40 graus. O calor foi tal, que andar na rua entre as 13 e 18 horas tornava-se bastante incomodativo.

Com os termómetros a subir, as produções agrícolas só conseguem ser minimamente satisfatórias, se a rega for constante.

Foi o que fomos fazer, pelas 19 horas, na vinha que cultivamos. Regar a vinha.

As plantas são como as pessoas, se não beberem, sobrevivem com dificuldade e em alguns casos podem até morrer. Sobre o local, publicamos umas fotos que, nos mostram a área vitícola que cultivamos.

 

Amorim Lopes
publicado por 59abc59 às 00:44

Quinta-feira, 16 de Agosto de 2012

 

No final da tarde e início da noite do dia 14 de Agosto, Mação recebeu a visita da RTP, com a finalidade de gravar um dos vários programas, TopChef, que este canal de televisão vai apresentar todos os sábados à noite, começando a emissão no próximo dia 18. Mação aparecerá  no pequeno ecrã em Outubro.

Para as gravações, a realização contou com a presença de 250 pessoas, para as quais os vários cozinheiros, divididos em dois grupos, tiveram que preparar o jantar.

 Os trabalhos, que tiveram o seu início junto aos Bombeiros, vieram a ter como palco principal o pátio da Escola Secundária. Como adorno de ultima hora e muito inesperadamente, a chuva teimou e conseguiu fazer uma surpresa. Valeu a todos, a existência de telheiros e algumas dependências abertas, pois se tal não existisse, a água molhava-nos o pêlo.

O jantar na sua ponta final, teve uma improvisada ornamentação, com as pessoas enleadas numa certa desorganização, de pé, a saborear os doces que se encontravam preparados.

A terminar, informamos que não ilustramos este trabalho com fotos, como vem sendo habitual nos nossos trabalhos, porque a Realização nos impediu de o fazer, contrariando o coordenador das filmagens, que nos concedeu total liberdade para fotografar. Clandestinamente, com o telemóvel, lá conseguimos tirar as que apresentamos.

Nós fomos impedidos, mas houve entidades que, o fizeram com toda a liberdade. Para evitar guerras, ordeiramente e com a humildade que tempera a nossa educação, destruímos todas as imagens.

 

Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 20:23

Terça-feira, 14 de Agosto de 2012

O povo galego, no século XIX, viveu tempos de miséria, fome e pobreza, que o levou a emigrar, levando com ele, na bagagem, a esperança de uma vida melhor.

Rosalía de Castro, com a sua poesia, tenta dar ênfase a esse flagelo, a emigração, que pairava sobre o povo galego. Dos muitos poemas que escreveu, merece-nos realce o “Cantar de Emigração”, do qual destacamos: “órfãos e órfãs, tens campos de solidão, tens mães que não têm filhos, filhos que não têm pai”

Também na década de 60, o povo português, vivia debaixo de uma pobreza constante. Os mais aventureiros e arrojados, palmilharam para outros mundos, para onde pudessem amealhar alguns cobres e assim, conseguir uma vida familiar economicamente mais risonha. Conseguiram-no, numa grande maioria, emigrando para França.

Adriano Correia de Oliveira, com a balada”Cantar de Emigração”, letra da galega Rosalía de Castro, e adaptação de José Niza, manifesta bem a revolta, o inconformismo e a não-aceitação, da vida oprimida e miserável em que o povo se encontrava.

Presentemente, o flagelo da emigração começa a estar na ordem do dia: "69% das estudantes, com cursos superiores, têm que emigrar para arranjar trabalho com salários condignos".

Nós, como sentimos na pele, a dor de ter os nossos familiares a trabalhar a milhares de quilómetros de distância, também queremos manifestar a nossa revolta com a situação que se vive, publicando seguidamente o poema e o vídeo, no qual Adriano Correia de Oliveira canta a balada acima referida.

Com união, vontade e crer, Portugal poderá voltar a ser mais justo e igual para todos.

 

Cantar de Emigração

Este parte, aquele parte

e todos, todos se vão

Galiza ficas sem homens

que possam cortar teu pão

 

Tens em troca

órfãos e órfãs

tens campos de solidão

tens mães que não têm filhos

filhos que não têm pai

 

Coração

que tens e sofre

longas ausências mortais

viúvas de vivos mortos

que ninguém consolará

 

VÍDEO

Amorim Lopes

 

publicado por 59abc59 às 17:57

Segunda-feira, 13 de Agosto de 2012

 

O Jornal o Expresso, muito recentemente elegeu as 100 figuras mais influentes de 2012.”As pessoas que pelo seu carisma ou pela sua autoridade são capazes de mudar o estado das coisas, das ideias ou até o curso dos acontecimentos. Aqueles cujas decisões têm directa ou indirectamente impacto nas nossas vidas”

Dos 100 portugueses escolhidos, destacamos: António Barreto, Marcelo Rebelo de Sousa, José Mourinho, António Guterres, António Costa, Américo Amorim, Cristiano Ronaldo, Durão Barroso e o Juiz Carlos Alexandre.

Pelo orgulho que sentimos, quando pela positiva, ouvimos falar de Maçaenses, que se destacam dos muitos que fazem mexer Portugal, mais uma vez, não resistimos à tentação de publicar, o que a revista do Expresso, muito recentemente, publicou sobre o Juiz Carlos Alexandre.

Esperamos assim, dar a conhecer o que sobre o nosso conterrâneo se vai divulgando. 

Para ele, que com trabalho e isenção, vai ajudando a construir uma justiça adulta e igual para todos, desejamos-lhe muita força, saúde e coragem, para poder enfrentar o presente e o futuro e assim, ajudar a construir Portugal. 

Amorim Lopes
publicado por 59abc59 às 17:58

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
15
17
18

19
20
23

26
28
30


Últ. comentários
Caros e inesquecíveis amigos, Infelizmente não me ...
M/s caros amigos. Lamento não ter podido estar pre...
Não sei se gosto muito do vídeo, a letra da música...
Obrigada por partilhar este vídeo, gostei muito. C...
Esta iniciativa, é muito interessante, mas mais se...
Dia 28 de Jnho um dia igualmente importante, boa m...
Depois do Benfica ter feito o jogo perfeito em Lon...
Visão enformada pela cor clubista. O jogador que ...
É claro que «há água no bico» dos chineses. Querem...
Esta lenga-lenga do comunicado da autarquia dá von...
MAIL
amorimnuneslopes@sapo.pt
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro