E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

Terça-feira, 14 de Junho de 2011

Os Responsáveis por Proença-a-Nova, tudo têm feito, para dar ao interior de Portugal e ao seu Concelho em especial, um maior desenvolvimento, dinamismo

 e bem-estar social. Diariamente lutam para evitar a desertificação e o abandono a que as suas populações têm sido alvo.

A comprovar a luta que se vai travando, está a II Mostra de Caprinicultura, que decorreu

 no último fim-de-semana. O evento, recheado por um programa vasto e variado, abarcou a tentativa de inscrever, no GUINNESS BOOK - O LIVRO DOS RECORDES, a criação do Maior Maranho.

A tentativa correu bem, o maranho estava bem apaladado, a mistura de arroz e carne estava numa muito boa proporção, ficou muito bem cozido, fazendo-se com facilidade as rodelas quando era cortado. É de justiça realçar, a feliz ideia de temperar o maranho com pouco sal, para assim estimular as pessoas a uma comida um pouco insossa.

O maranho que no início media 40m, depois de cozido ficou aproximadamente com 30m. 

Parabéns à C.M.Proença-a-Nova, à organização e a todos os que de uma forma directa ou indirecta trabalharam no evento. 

 

MARANHO

 

Tratando-se de uma especialidade tradicional da Zona do Pinhal, decidimos dar uma imagem breve, sobre esta especialidade da cozinha tradicional

Portuguesa.

Os maranhos são uma especialidade da cozinha tradicional da região da Beira Baixa,

mais concretamente da sua zona mais a sul, conhecida por região do Pinhal, constituída pelos municípios de Mação, Oleiros, Proença-a-Nova, Sertã, Vila de Rei e Pampilhosa da Serra.

O maranho consiste num pequeno saco feito de um bocado de bucho de cabra, recheado com carne de cabra, cebola, presunto e arroz, condimentado com hortelã, salsa. De salientar que em cada um dos municípios referidos, os temperos são diferentes, podendo haver algumas diferenças no paladar.

Para aqueles que ainda não conhecem e gostam do sabor a hortelã, aconselhamos a provar. É comer e chorar por mais.

Seguidamente apresentamos uma receita:

 

Maranhos

Ingredientes:

  • 500 g de cabrito (perna)
  • 1 bucho de carneiro    
  • 50 g de chouriço
  • 180 g de arroz
  • 1dl de vinho branco
  • 1 ramo de hortelã
  • sal e pimenta
  • Água

Confecção:

Lave o bucho muito bem.
Mergulhe o bucho numa panela de água a ferver e em seguida raspe-o até ficar completamente limpo.
Volte a lavar em água fria e corte-o em quadradinhos de 10cm de lado.
Com a ajuda de agulha e linha, cosa os bocados de bucho formando uma espécie de saquinhos.
Corte as carnes em bocadinhos e tempere-as de sal, hortelã bem picada, vinho branco, um pouco de água e pimenta.
Junte o arroz cru e misture muito bem.

 Deixe repousar cerca de 2 horas.
Encha os saquinhos até meio com a mistura. Cosa a abertura com agulha e linha.
Leve os saquinhos ao lume numa panela com água, sal e hortelã.
Quando os saquinhos se apresentarem louros e cheios, significa que estão bem cozidos.
Sirva acompanhado de couves cozidas.

 

Segue um vídeo do acontecimento

 

VÍDEO

 

 

 

Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 12:52

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
16
18

21
24

30


Últ. comentários
Caros e inesquecíveis amigos, Infelizmente não me ...
M/s caros amigos. Lamento não ter podido estar pre...
Não sei se gosto muito do vídeo, a letra da música...
Obrigada por partilhar este vídeo, gostei muito. C...
Esta iniciativa, é muito interessante, mas mais se...
Dia 28 de Jnho um dia igualmente importante, boa m...
Depois do Benfica ter feito o jogo perfeito em Lon...
Visão enformada pela cor clubista. O jogador que ...
É claro que «há água no bico» dos chineses. Querem...
Esta lenga-lenga do comunicado da autarquia dá von...
MAIL
amorimnuneslopes@sapo.pt

blogs SAPO


Universidade de Aveiro