E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

Segunda-feira, 20 de Junho de 2011

De 07 a 29 de Maio, decorreu a Campanha Pirilampo Mágico 2011, a qual vendia em Centros Comerciais, Escolas, bancas de rua, quiosques e nas próprias instituições de Solidariedade, o Pirilampo Mágico, T-Shirt, Pin e CD.

Terminou a campanha, mas quando há vontade de dar a mão a instituições com necessidade de ajuda, encontramos sempre algo para comprar, existem sempre

 outras formas de ajudar.

Com este trabalho, procuramos espalhar o fermento que transforme, o Mundo em que vivemos, num outro mais vivo, mais justo e mais solidário. Infelizmente, nunca foi tão necessária a solidariedade entre os homens, como no momento em que vivemos e provavelmente, no futuro que temos pela frente.

A FENACERCI - Federação Nacional de Cooperativas de Solidariedade Social apresentou mais uma vez em 2011 a Campanha Nacional do Pirilampo Mágico.

Este ano, com o tema "Faz Brilhar o Meu Mundo", remeteu-nos para a celebração da 25ª edição que, ao longo dos anos, procurou angariar fundos que permitam garantir as condições de sustentabilidade das muitas Organizações que trabalham em defesa dos direitos das pessoas com deficiência intelectual e/ou multideficiência.

Para dar à Campanha deste ano uma voz especial, foram convidados dois artistas,

 que por razões diferentes, simbolizam de forma inequívoca a dimensão de festa e solidariedade que se quer sublinhar neste ano de 2011: Carminho, uma jovem fadista que tem a particularidade de ter a idade do Pirilampo Mágico e Ney Matogrosso, um cantor de referência para muitas gerações e que sempre fez questão de fazer da solidariedade uma marca pessoal e profissional. Pedro Jóia é o autor da música e dos arranjos e a interpretação da Orquestra Sinfonieta de Lisboa sob a direcção do Maestro Vasco Pierce de Azevedo.

 

Letra da Música


Vou por esta estrada
De mão dada com um sonho.
Levo na bagagem
Sempre a mesma imagem,
Desatar teu sorriso.
Vê como no céu
cantam em coro as estrelas.
Somos uma luz,
brilhante e viva como elas

Refrão
Meu amigo,
A vida não tem perigos
Se juntarmos nossas forças
E cantarmos à vida com o coração.

Vamos ver daqui o mesmo sol amanhecer
E escutar quem me diz
Que há uma luz maior,
a vida inteira por viver,
E ser feliz, tão feliz
E assim poder partir
por esse mundo sem cansaços
Poder respirar fundo
e descansar nos teus abraços

Refrão
Meu amigo,
A vida não tem perigos
Se juntarmos nossa forças
E cantarmos à vida com o coração.

Vamos ver daqui
o mesmo sol amanhecer
E escutar quem me diz
Que há uma luz maior,
a vida inteira por viver,
E ser feliz, tão feliz


Título: Ser Feliz
Artistas Participantes: Carminho e Ney Matogrosso
Autor da Letra: Carmino
Autor da Música: Pedro Jóia
Direcção de Orquestra: Maestro Vasco Pierce de Azevedo

 

Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 16:08

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2011
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
16
18

21
24

30


Últ. comentários
Caros e inesquecíveis amigos, Infelizmente não me ...
M/s caros amigos. Lamento não ter podido estar pre...
Não sei se gosto muito do vídeo, a letra da música...
Obrigada por partilhar este vídeo, gostei muito. C...
Esta iniciativa, é muito interessante, mas mais se...
Dia 28 de Jnho um dia igualmente importante, boa m...
Depois do Benfica ter feito o jogo perfeito em Lon...
Visão enformada pela cor clubista. O jogador que ...
É claro que «há água no bico» dos chineses. Querem...
Esta lenga-lenga do comunicado da autarquia dá von...
MAIL
amorimnuneslopes@sapo.pt

blogs SAPO


Universidade de Aveiro