E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

Sábado, 17 de Janeiro de 2015

No seu mandato, o Governo tem lançado mão das privatizações, para cumprir ordens vindas da troika e ao mesmo tempo para arranjar uns “cobres”.

Cada caso arrasta consigo uma “novela”.

No caso da TAP é mais uma situação no seu início. Se apreciarmos neste caso a matéria sobre o trabalho e tomarmos em conta o que vem sendo dito: uns trabalhadores não podem ser despedidos, outros, os que não apoiam o governo podem levar com a “ripa” e os que não são sindicalizados, andam ao “sabor da maré”.

É mais uma novela a surgir!

A propósito de privatizações, vale a pena ler o artigo de Nicolau Santos, hoje publicado no expresso, sobre a ANA:

Capturar1.PNG

Capturar2.PNG

Capturar3.PNG

Capturar4.PNG

Capturar5.PNG

Capturar6.PNG

Capturar6a.PNG

Capturar7.PNG

Capturar8.PNG

Capturar9.PNG

 

Terminamos, apelando para que se deixem de fazer “novelas” e que todas as nossas forças se centralizem numa governação equilibrada, transparente, séria e justa.

Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 00:45

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9

12
15
16

23
24

25
26
27
28
29


Últ. comentários
Caros e inesquecíveis amigos, Infelizmente não me ...
M/s caros amigos. Lamento não ter podido estar pre...
Não sei se gosto muito do vídeo, a letra da música...
Obrigada por partilhar este vídeo, gostei muito. C...
Esta iniciativa, é muito interessante, mas mais se...
Dia 28 de Jnho um dia igualmente importante, boa m...
Depois do Benfica ter feito o jogo perfeito em Lon...
Visão enformada pela cor clubista. O jogador que ...
É claro que «há água no bico» dos chineses. Querem...
Esta lenga-lenga do comunicado da autarquia dá von...
MAIL
amorimnuneslopes@sapo.pt

blogs SAPO


Universidade de Aveiro