Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DÁDIVAS

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

DÁDIVAS

25
Dez13

PAULO MORAIS NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

59abc59

Muito recentemente, Paulo Morais, na Assembleia de Republica – Sala do Senado, durante o XV Encontro Público da PASC – Plataforma Activa da Sociedade Civil, em que o tema em debata era “Regime de Incompatibilidade dos Deputados à Assembleia da República, referiu com clareza, quão duvidoso é o trabalho de alguns deputados. Vivem entre dois amores – o povo que os elegeu e as empresas para as quais trabalham.

Quando no teatro da vida, no palco o pano está prestes a cair e muito rapidamente este se voltará a erguer, vai sendo tempo de serrar fileiras, unir esforços e utilizando as já poucas forças que ainda nos restam, tentar acabar com as injustiças, fortalecer e dinamizar a democracia, dar novo folgo a “Abril” e “Fazer Portugal”.

 

Amorim Lopes  

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

MAIL

amorimnuneslopes@sapo.pt
Em destaque no SAPO Blogs
pub