E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

Segunda-feira, 07 de Outubro de 2013

A crise que lentamente nos vai flagelando, aos poucos vai tomando proporções assustadoras.

Cortes em cima, cortes em baixo, cortes à esquerda,  cortes em tudo que possa dar dinheiro, sem que haja alguém a dizer basta.

O Governo constantemente legisla contra a constituição, sempre na esperança de o Tribunal Constitucional legitimar o que é inconstitucional. Felizmente que na justiça, temos Homens que têm no seu vocabulário as palavras justiça e honra.

Muito nos tem espantado as palavras proferidas pela Troika e pelo Dr.  Durão Barroso, que ultimamente têm apelado ao Tribunal Constitucional para que desrespeite os deveres constitucionais.

Só falta surgirem os saudosistas a gritar bem alto –“Rasgue-se a Constituição e faça-se o funeral ao Portugal de Abril”.

Este Portugal com um governo ziguezagueante, comandado por personagens nada verticais, de ideias pouco firmes, faz-nos relembrar Ivone Silva e o tema que maravilhosamente soube interpretar “Cubo”.

VÍDEO

Felizmente que ainda há Homens, que sofreram no passado, sofrem no presente e estão prontos a sofrer no futuro, por um Portugal mais justo!

 Amorim Lopes

publicado por 59abc59 às 19:46

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
16
19

20
26

27
30
31


Últ. comentários
Caros e inesquecíveis amigos, Infelizmente não me ...
M/s caros amigos. Lamento não ter podido estar pre...
Não sei se gosto muito do vídeo, a letra da música...
Obrigada por partilhar este vídeo, gostei muito. C...
Esta iniciativa, é muito interessante, mas mais se...
Dia 28 de Jnho um dia igualmente importante, boa m...
Depois do Benfica ter feito o jogo perfeito em Lon...
Visão enformada pela cor clubista. O jogador que ...
É claro que «há água no bico» dos chineses. Querem...
Esta lenga-lenga do comunicado da autarquia dá von...
MAIL
amorimnuneslopes@sapo.pt
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro