Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DÁDIVAS

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

DÁDIVAS

25
Abr10

25 DE ABRIL - 36 ANOS DE LIBERDADE

59abc59

25 DE ABRIL  -  36 ANOS DE LIBERDADE E DEMOCRACIA

 

 

 

 

Com este Post, pretendemos reviver o 25 de Abril e acordar neste País, os muitos que começam a estar adormecidos. Pretendemos agradecer a todos, que com trabalho e arte, vão lutando para criar um Portugal mais livre, solidário e democrático. Neste dia, também gostariamos de lembrar um Homem de Abril, que com a sua poesia, música e canto, muito fez, para que o nosso Portugal fosse mais justo, livre, solidário e democrática. É José Afonso. É, pois ele não morreu, ele continua vivo dentro de nós.
Já que a Rádio e TV raramente lhe dão voz, nós em sinal de agradecimento pelo muito que nos deu, publicomos duas cantigas, das muitas que nos ofereceu.
VERDES SÃO OS CAMPOS
TRAZ OUTRO AMIGO TAMBÉM
OBRIGADO ZECA
ABRIL SEMPRE

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

MAIL

amorimnuneslopes@sapo.pt
Em destaque no SAPO Blogs
pub