Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DÁDIVAS

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

E agora é o acaso quem me guia. Sem esperança, sem um fim, sem uma fé, Sou tudo: mas não sou o que seria Se o mundo fosse bom — como não é!

DÁDIVAS

16
Set12

15 DE SETEMBRO DE 2012 – PORTUGAL ACORDOU

59abc59

Foi neste Domingo de sol e com temperaturas superiores a 30 graus,que Portugal começou a acordar da vida calma e tolerante em que vinha vivendo.

 

 

Com as declarações proferidas muito recentemente pelo nosso Primeiro-ministro e Ministro das Finanças, o limite da tolerância foi ultrapassado, motivo que originou as grandiosas manifestações que em vários pontos do País tiveram lugar.

Manifestações, como as que neste sábado farão vividas por muitos e sentidas quase por todo o povo, só o 1º de Maio de 1974 foi superior.

O Povo, representado pela quase totalidade das classes sociais, veio ordeiramente e com civismo para a rua, mostrar o seu descontentamento com as tomadas de posição dos que nos governam.

 

 

Tirar aos pobres para dar aos ricos é intolerável! Exigir sacrifícios aos mais indefesos e tolerantes,  deixando os donos do capital, as personalidades com vencimentos obscenos fora da malha dos sacrifícios é inadmissível.

O Povo, que neste último ano, com um civismo admirável e louvável tudo tem aguentado, mostrou à Troika, que nos tem cravadas as garras da exploração, que o tempo do “comer e calar”está a terminar.

O Povo, com a jornada ardente de luta, que pintou as várias cidades do país, mostrou ao governo um cartão vermelho, para "emalar a trouxa" e partir para outros mundos.

Mostrou que está farto de

 

gente incompetente, oportunista, que com a maior naturalidade esquece quem lhe deu a mão.

Nós que, não pudemos estar presentes entre as centenas de milhares dos que arduamente, com os corações quentes e prontos a lutar por um Portugal mais justo, damos o nosso contributo com o Vídeo que seguidamente vamos publicar.

VÍDEO

 

Rapidamente a bela aurora surgirá e com ela, um Portugal mais justo e cintilante nascerá!

Portugal vencerá!

 

Amorim Lopes

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

MAIL

amorimnuneslopes@sapo.pt
Em destaque no SAPO Blogs
pub